Futebol, Futebol italiano

Juventus dá a impressão de que não vai perder nunca mais na Itália

Atacante Quagliarella é um dos destaques da Juventus na série invicta de 44 partidas entre 2011 e 2012

O time é sem graça. Sem sal e sem um craque. Não joga um futebol bonito, nem tem um atleta que podemos chamar de gênio. Mesmo assim, vai saber como, a Juventus mantém atualmente uma série invicta de 44 jogos, a segunda maior da história do futebol da Itália. O clube de Turim conquistou o Campeonato Italiano 2011/2012 sem perder um jogo sequer e segue no mesmo ritmo na temporada 2012/2013. E olha que já estamos no fim de setembro, hein? Assim, jogo após jogo, a Juventus dá a impressão de que não vai perder nunca mais na Itália. Mas, afinal de contas, qual o segredo desse sucesso? O que faz de um time absolutamente comum uma fortaleza praticamente intransponível, com poucos gols sofridos? Sem dúvida, se trata de um grupo que, no jargão futebolístico, “deu liga”. As peças se encaixaram e a troca de um ou outro atleta não faz…

Futebol, Futebol italiano

Milan e Internazionale viram pó na Itália

A tristeza de Diego Milito com a situação técnica da Internazionale denuncia a crise vivida pelos dois gigantes de Milão

Em três curtas frases, o presidente da Internazionale, Massimo Moratti, resumiu o que se passa com seu clube e o maior rival, o Milan, vítimas de uma má fase técnica de dar pena e que se tornaram as atrações negativas do Campeonato Italiano. “Inter e Milan não são mais supertimes. No nosso caso, temos muitos bons jogadores. Porém, infelizmente, nós não podemos mais permitir a nós mesmos gastar 20 milhões de euros em um jogador campeão.” Isso apenas evidencia o que todo mundo notou. A renovação dos elencos dos dois grandes de Milão foi feita não apenas por questões técnicas. O lado financeiro pesou uma barbaridade na decisão e as reposições ficaram bem abaixo do esperado pelos torcedores mais fanáticos. Isso afastou o público dos estádios, deixou os dois times enfraquecidos e permitiu situações até pouco tempo impensáveis, como o Milan perder três de quatro jogos na Itália. De longe…

Futebol

Hora e vez de Cristiano Ronaldo mudar a lógica na Eurocopa

000_Par7183278

O atacante português Cristiano Ronaldo está com a faca e o queijo nas mãos para mudar a lógica, derrubar as seleções favoritas e ajudar Portugal a ser campeão da Eurocopa pela primeira vez. As semifinais serão realizadas quarta e quinta-feira, na Polônia e na Ucrânia. Podem me cobrar, sei que corro o risco de errar, mas cravo aqui: Portugal estará na decisão. Contra quem? Bem, leia a minha análise sobre as semifinais e, se discordar de algo, é só deixar a bronca no final do texto! Espanha x Portugal O que fez a Espanha até aqui: tocou a bola do mesmo jeito que o Barcelona faz há uns quatro anos, colocou no bolso seus adversários e assumiu de vez o posto de uma das principais seleções do planeta. Deixou para trás o medo de perder e agora vive uma fase tão boa que praticamente entra em campo para definir em…

Futebol

Alemanha e Espanha seguem como favoritas na Eurocopa

O alemão Mario Gomez se prepara para marcar contra a Holanda; ele é um dos artilheiros da Eurocopa

Até que não fui tão mal em meus palpites feitos em dezembro de 2011 sobre o que iria rolar na Eurocopa neste mês de junho. Acertei na mosca os classificados dos grupos B e D, errei tudo no A e acertei metade da vida no Grupo C. Se quebrei a cara ao dizer que a Grécia iria passear, cravei que a Holanda não inspirava a menor confiança e faria uma participação pífia na Euro. Enfim, como isso não leva a lugar algum, é hora de fazer uma análise séria das quartas de final da competição. Você vem comigo? República Tcheca x Portugal – Portugueses e tchecos são parecidos em muita coisa. Contam com times organizados em campo e uma eterna síndrome de fracasso em competições europeias. Perderam na estreia e foram tratados com desconfiança pela mídia, mas conquistaram duas vitórias seguidas e ganharam muita moral na competição. Duelo equilibrado até…