Alerta Saúde

Bullying, uma ameaça à saúde e à própria vida! Como podemos ajudar nossos jovens?

O bullying é um grave problema social na atualidade. As crianças e jovens muitas vezes sofrem bullying e mantém-se quietos, sofrendo em silêncio, até que uma doença, um ato de violência ou até mesmo o suicídio venha nos mostrar que algo errado estava acontecendo e não percebemos. As crianças e os jovens estão sujeitos a este e outros medos, como podemos lembrar neste post de 2016 reveja aqui. Então como podemos ajudar um aluno que sofre bullying?

Atualidades

Como os bebês se comunicam. parte 2

No primeiro post abordamos a comunicação não verbal do bebê, o choro e a importância do toque e do afeto. Continuaremos com o desenvolvimento da linguagem. Os bebês reconhecem a voz de sua mãe desde o útero, pois a ouve continuamente. Outras vozes como a do pai também se tornam conhecidas dos bebês, quando as ouvem frequentemente. Os rostos passam a ser conhecidos com o desenvolvimento da visão e com o contato contínuo dos bebês com seus pais e cuidadores, a partir de poucos meses de idade. O aprendizado da linguagem e da fala ocorre a partir da comunicação que o bebê tem com seus pais e familiares. Toda comunicação, a linguagem, a fala, as posturas e expressões faciais, a exposição a um vocabulário e até mesmo a idiomas diferentes são estímulos que o bebê aprende e passa a repetir conforme a maturidade de seu sistema nervoso e o processo…

Alerta Saúde

Como os bebês se comunicam. parte 1

Os bebês se comunicam de diversas formas com os adultos, porém nessa fase inicial a comunicação é principalmente com a mãe. A comunicação é sempre complexa, e se compõe de diversos componentes além da linguagem verbal, como a postura e linguagem corporal, expressões e micro expressões faciais, gestos, olhar, movimentação e todos outros componentes da comunicação não verbal. Os bebês, além do choro, também se comunicam através da linguagem corporal, dos movimentos, do olhar, do balbucio, e se fazem compreender quanto maior for nosso contato com eles. Os adultos que convivem com os bebês reconhecem o que cada tipo de choro e cada movimento significa. Fome, incômodo, dor, sono. Para a mãe e o pai, as necessidades dos bebês são perceptíveis na comunicação não verbal. Há uma comunicação não verbal entre o bebê e todos ao seu redor. No caso de outros bebês e crianças, também ocorre essa comunicação, cujos…

Alerta Saúde

Crianças que querem dormir na cama com os pais. E agora, o que fazer?

Embora a maioria dos profissionais, médicos e psicólogos se posicione contra as crianças dormirem na cama dos pais e justifiquem a necessidade e os benefícios da criança dormir em seu próprio quarto ou berço, há outros que seguem uma linha de pensamento diversa e argumentam ser benéfico a criança dormir na cama com seus pais. O benefício seria a sensação de proteção que a criança sente ao estar na cama com seus pais, a segurança, e qualidade de sono mais tranquilo para ela e para os pais. Há cuidados a tomar, principalmente quando o bebê é ainda pequeno, e também quando os pais têm problemas de sono, o que poderia colocar em risco a segurança física desse bebê pela possibilidade de sufocamento involuntário pelo corpo do adulto que poderia virar-se sem sentir. Há centenas de relatos de casos trágicos como esse nas últimas décadas. A criança que aprende a dormir…